5 dicas para utilizar seu reagente hematológico corretamente

5 dicas para utilizar seu reagente hematológico corretamente

Você sabia que a forma e o tipo de reagente que você utiliza no seu analisador hematológico pode influenciar no resultado e qualidade do seu exame?

Abaixo pontuamos cinco dicas para você ficar atento na hora de escolher e utilizar o reagente do seu analisador hematológico para  evitar o desgaste do seu equipamento e entregar um diagnóstico mais preciso para o seu cliente.

 

1. Posicione os reagentes no mesmo nível do equipamento;

Quando colocamos o reagente em um nível abaixo do equipamento, a seringa utilizada para sugar o reagente fará mais força para puxar o diluente o que pode causar bolha na seringa e prejudicar a análise do sangue. Por outro lado, se o reagente está um nível acima, ocasionaremos uma pressão negativa no equipamento que pode forçar a tubulação causando vazamentos e rupturas nas mangueiras internas.

2. Posicione o esgoto/descarte abaixo do nível do equipamento;

Quando o esgoto está abaixo ou acima do nível do equipamento pode haver refluxo e o descarte contaminar o equipamento, o que poderá resultar em análises errôneas pois o analisador hematológico contará juntamente com as células os restos do descarte.

3. Utilize reagente específico de limpeza veterinário;

Quando falamos de análise veterinária, estamos falando de um sangue mais complicado de trabalhar em comparação ao sangue humano. Isso se deve a maior presença de microcoágulos, uma velocidade de hemocedimentação alta e maior quantidade de partículas menores do que o sangue humano. É devido a essa diferença que um reagente de limpeza humano não consegue limpar com eficiência o sangue animal, uma vez que ele foi desenvolvido para outro tipo de situação. A consequência dessa limpeza mal realizada será a presença de coágulos nas mangueiras do equipamento, gerando entupimento ou vazamento de reagente dentro do equipamento, o que pode queimar a placa do seu analisador hematológico.

4. Utilize um reagente específico veterinário

Os reagentes que não são específicos veterinários tem maior concentração de hipoclorito, o que pode corroer as tubulações e o que tem de metal no seu equipamento. Além disso o hipoclorito deixa cristais de sal nas tubulações, o que acaba sendo contado como célula, alterando o resultado do seu exame.

5. Utilize um lisante específico para o seu equipamento

Por último, porém não menos importante, utilize um lisante específico para o seu equipamento.

O hemolisante é responsável por romper a camada de todas as células e manter apenas o núcleo, com isso o analisador hematológico 3 partes entende que o que foi rompido são hemácias e o que sobrou são os leucócitos. Após esse processo será realizada a contagem das células pela metodologia de biopedância isso é, analisar o tamanho do núcleo de cada célula e fazer a divisão em três partes: células de núcleo pequeno (linfócitos), células de núcleo grande (neutrófilos) e células de núcleo médio (granulócitos).

Entretanto cada tipo de equipamento já tem programado no software qual é o tempo de lise e a quantidade de lisante que será utilizado para realizar essa quebra. Esta definição é feita com base no reagente utilizado na hora da programação, ou seja, ao utilizar um reagente que não é o específico daquele equipamento, muito provavelmente o analisador utilizará mais ou menos lisante, prejudicando o rompimento das camadas.

O resultado será uma contagem errada, uma vez que células poderão não terem tido suas membranas rompidas corretamente ou ainda o lisante ter penetrado na célula, aumentando seu tamanho. Sendo assim, linfócitos poderão ser lidos como granulócitos ou neutrófilos, no caso do lisante ter penetrado na célula; ou ainda, se a quantidade de lisante utilizada for superior ao necessário, quebrar o núcleo das células grandes e os neutrófilos serem lidos como granulócitos ou linfócitos.

 

 

Para essas e outras dicas sobre a correta utilização de reagentes para o seu analisador hematológico, assista nosso webinar com a especialista e amiga Rebeca Quintão.

https://www.youtube.com/watch?v=cVCmBdExAds

 

 

 

Gostou desse artigo? Conta pra gente se essas dicas te ajudaram a melhorar os seus resultados 🙂